ATITUNA

ATITUNA

Contactos

916262075
tufpceup@gmail.com

quarta-feira, 2 de março de 2011

MARIAS 2011: um fim-de-semana na 'Margem Sul'

6ª feira

E tudo começou com um ponto cor-de-rosa no meio da auto-estrada (que é como quem diz o nosso belo autocarro rosinha!)… Partimos da faculdade por volta das 20h, cheias de energia e animação rumo à “Margem Sul, sítio onde são feitos os sonhos…”. A longa viagem foi preenchida por variados momentos, desde as anedotas contadas ao microfone, ao tributo aos ‘Onda Choc’!

Chegamos a Almada já bem tarde, mas nada que nos demovesse!! Apressamo-nos a dividir os quartos na pousada, e a arrumar malas e instrumentos. Dirigimo-nos para a Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade Nova de Lisboa (FCT/UNL), onde já decorria uma grande festa de abertura do festival. Entre muita música e animação, a noite terminou com um pequeno-almoço colectivo, já novamente na pousada.

Sábado

O dia começou ao som do ‘prato’ e de um banho gelado. Frescas e trajadinhas, fomos novamente para a FCT/UNL, para almoçar. Optamos por um ‘piquenique’ numa bela relva e os assaltos na margem sul confirmaram-se: fomos surpreendidas por um cão com apetite que, sem hesitar, atacou um rolo de carne!




Para fazer a digestão deitamo-nos na relva a apanhar banhos de sol, para descontrair antes da apresentação do êxito da Disney que se avizinhava. Apresentado o nosso “Ciclo sem Fim” do grande filme da Disney “O Rei Leão”, seguiram-se diversas actividades para testar os nossos conhecimentos acerca das personagens mais emblemáticas dos filmes da Disney. Entre mímicas, palavras proibidas e desenhos, passamos ao SingStar, embaladas ao som de “Mamma Mia”.


Já em modo de preparação para a actuação fomos fazer o ‘sound-check’.

Seguiu-se o jantar na cantina da faculdade, onde não faltou a animação. Entre um “ao comando” colectivo e um brinde emocionado, houve ainda um “Pata Pata Time” e uma série de outras músicas.


Como apenas iríamos actuar na abertura da 2ª parte do festival, podemos assistir ao inicio do mesmo.
E ainda bem que assim foi! Tivemos oportunidade de visualizar algumas das fantásticas apresentações preparadas pela Tuna Maria, subordinadas ao tema do festival – Êxitos da Disney. Foi tão bom ver aquelas personagens que nos são familiares e relembrar a infância…

Algum tempo antes da nossa actuação reunimo-nos no camarim, a fim de ensaiarmos e de nos prepararmos.

E eis que chegou a nossa hora! Já no backstage do palco, podemos ver a maravilhosa apresentação com que a Tuna Maria nos presenteou… Com imagens do grande clássico “A Pequena Sereia”, e ao som de “Aqui no Mar”, eis a música que nos antecedeu:

A tuna que se avizinha
Neste nosso festival,
Elas vêm lá de cima,
Do Norte de Portugal.

Elas chegam lá do Porto,
Prontas p'ra nos encantar.
Atituna neste palco,
O que é que vocês querem mais?

Estão curiosos,
Querem sabes?
Vêm do Porto
São psicólogas
E estão aqui!

Querem cantar e encantar,
E os vossos corações roubar!
Cheias de encanto,
Vão ser um espanto e estão aqui!

Esta tuna está contente
Por Almada visitar.
Estão prontas p'ra ir em frente
E não param de cantar!

Cansadas de viajar,
Sem nunca desanimar.
Afinam as suas vozes,
Estão prontas para actuar.

Para este palco,
Venham daí,
Sem mais histórias nem mais demoras venham tocar!
Perguntam quem elas são, nós dizemos com emoção:
São triunfantes, vozes brilhantes, sabem cantar!!

Imbuídas deste magnífico espírito Disney abrimos a nossa actuação com o “Ciclo sem fim”, do filme “O Rei Leão”. Prosseguimos com o nosso reportório (Recuerdos Bolivianos, Vou dar de beber à dor, É tão bom, O que foi que aconteceu e Criatura da noite) e fechamos a actuação ao som de Hakuna Matata!

No final de todas as actuações deu-se a entrega dos prémios:

Melhor Estandarte – GATUNA

Melhor Instrumental – TUNAF

Melhor Solista – TUNAF

Tuna mais Tuna – TUFES

Melhor êxito da Disney – TUFES

Melhor Pandeireta – ATITUNA

Melhor Tuna – ATITUNA


Seguiu-se um momento solene onde demos as boas-vindas às mais recentes caloiras: Babyliss, Blackberry, Firewall, Invasão, I-pode e Polifónica; e, ainda, às duas mais recentes Tunantes:

- Freak Pacificus

- Spaghetti Eruditus

Entre brindes, música, dança e amizade, a euforia e animação tomaram conta da Atituna, e a festa prolongou-se noite dentro.


Domingo

O tempo para dormir não foi muito, e, por isso, o acordar custou um bocadinho… Entre banhos, arrumação de malas e acomodação no autocarro, eis que chegou a hora da despedida deste festival.

Partimos rumo ao Norte, mas não sem antes cumprirmos a tradição: almoço no Mc Donalds, do Fórum Almada.

A viagem de regresso fez-se tranquilamente…

A chegada ao Porto trouxe já a saudade de um fantástico fim-de-semana passado com a grande Família Atituna, num contínuo crescente de amizades e bons momentos que se juntam à nossa história.

Ficam aqui uns agradecimentos especiais: à Tuna Maria pelo convite e por terem sido umas óptimas anfitriãs… aos nossos Guias, pacientes e incansáveis… a todas as Tunas participantes, que abrilhantaram este festival… aos amigos que se juntaram a nós neste fim-de-semana… e aos Padrinhos que rumaram ao sul para nos apoiar!

1 comentário:

Xumiii... disse...

Que "grande" report, e que grande aventura esta!! Como sempre, lindas, vencedoras, "espalha-brasas" e "espalha-música"! Um orgulho, tenho a dizer-vos :)
Parabéns e...que um dia destes se ouça e veja por aqui o "Ciclo sem fim"!!! Era de valor ;)